Folia Caiçara movimenta Morretes no Carnaval
Produção do Risoflora, evento valoriza a cultura tradicional com apresentações musicais, performances, exposições e gastronomia entre 10 e 13 de fevereiro

Um tributo ao patrimônio cultural de Morretes em pleno carnaval. Esta é a proposta do Folia Caiçara, festival multicultural gratuito que ocorre de 10 a 13 de fevereiro na Praça do Porto de Cima (Praça Comendador José Ribeiro de Macedo), em Morretes, no litoral do Paraná. A programação diversificada do evento – parte do Risoflora Festival de Carnaval – inclui espetáculos musicais, apresentações de escolas de samba, performances, exposições, gastronomia e feira de artistas locais, tudo para valorizar a cultura caiçara em meio à maior festa popular do Brasil.

O Folia Caiçara inclui espetáculos (veja programação completa abaixo) como o Bailé com Kré, do Grupo Baquetá, Boi de Mamão, Fandango Mandicuera, Coral Nhe’ē Porã, além de apresentações das escolas de samba Unidos do Portinho e da Vila dos Feroviários. O público terá ainda a oportunidade de participar de performances memoráveis com a Roda das Manas e o grupo Fuá da Serra, bem como desfrutar da singularidade da artista Patrícia Mar e da banda Fonte de Luz, já consagrada no território morretense por trazer diversos elementos da paisagem e cultura do município em suas canções. A percussão vibrante do Maracatu Baque Mulher Matinhos também faz parte da celebração.
Oficinas e homenagem
Para promover o aprendizado e a participação ativa da comunidade, serão realizadas oficinas de alegoria, fandango, e percussão. O projeto também homenageia Mestre Martinho, figura essencial na preservação das tradições do fandango. Uma exposição de fotos e uma demonstração de sua forma única de tocar serão realizados como parte da homenagem. Além disso, haverá uma exposição de artistas locais, como Carol Sobrera, Ricardo Zen e Emer Ramos. E a gastronomia é uma boa pedida: haverá uma barraca de alimentação da Cozinha Comunitária do Candonga, com alimentos típicos da região, como o barreado.

Júlia Moretti, idealizadora e diretora de produção do festival, afirma que o Folia Caiçara incentiva tanto a revalorização dos artistas e da cultura locais quanto as novas maneiras de produção artístico-culturais. “É uma concretização de todo o subsídio teórico da minha dissertação em desenvolvimento territorial sustentável”, diz Júlia. “A presença de cultura caiçara no festival desempenha um papel crucial na preservação e valorização desse patrimônio territorial. O festival oferece uma plataforma para que as tradições ancestrais, como o fandango, uma dança tradicional caiçara, sejam compartilhadas e mantidas vivas”, explica Valdemir Krause, outro dos idealizadores do Folia Caiçara.
Toda a programação está alinhada com os objetivos do projeto de promover o fortalecimento da cultura local, valorizar a identidade morretense, impulsionar o desenvolvimento territorial sustentável e proporcionar um Carnaval enriquecedor e inclusivo para todos. “É uma oportunidade única de celebrar a diversidade cultural e criar memórias duradouras em Morretes”, completa Krause.

Tradição e representatividade
A presença do fandango, expressão cultural caiçara, marca não só a manutenção desta tradição, mas uma forma de preservação e de popularização, já que o festival acontece durante o carnaval. A inclusão do Coral Indígena Nhe’ē Porã, da etnia Nbya Guarani, povo originário do território de Morretes, é outro destaque, visto que os povos indígenas frequentemente enfrentam sub-representação em festivais culturais. Essa inclusão na programação do festival proporciona visibilidade a essa comunidade e suas tradições, contribuindo para um maior reconhecimento e respeito pelos povos indígenas.

Risoflora
O Folia Caiçara é parte integrante do Risoflora – Festival de Carnaval, que acontece entre os dias 9 e 14 de fevereiro em Porto de Cima, distrito de Morretes. Com uma programação variada e multicultural (que inclui Letrux e BNegão), o Risoflora oferece uma experiência carnavalesca para toda a família em meio à maior área contínua de mata atlântica do mundo. Recreação infantil, festas temáticas, oficinas, teatro, cinema e uma praia de rio privativa são algumas das atrações. O segundo lote de ingressos (nas modalidades passaportes diários ou para todo o evento), estão à venda pelo site ingressos.risoflora.online.

Programação Folia Caiçara
10/2 – 10h – Abertura
10/2 – 10h15 – Oficina: Alegoria
10/2 – 12h – Apresentação: Escola de Samba Unidos do Portinho
10/2 – 13h30 – Apresentação: GRUPO Baquetá – Bailé com Kré
10/2 – 15h – Fuá da Serra
11/02 – 10h – Oficina – Oficina de Fandango com Leo Cardoso
11/02 – 11h30 – Homenagem ao Mestre Martinho
11/02 – 14h – Apresentação: Boi de Mamão (Grupo Mandicuera)
11/02 – 15h30 – Apresentação: Fandango Mandicuera
12/02 – 10h – Oficina – Mana na Roda
12/02 – 12h – Apresentação: Beli Bertalha
12/02 – 13h30 – Apresentação Roda das Manas
12/02 – 15h30 – Apresentação: Baque Mulher Matinhos
13/02 – 10h – Apresentação: Patrícia Mar
13/02 – 11h30 – Apresentação: Bloco da Vila Ferroviária
13/02 – 12h30 – Apresentação: Fonte de Luz
13/02 – 14h30 – Apresentação: Capoeira de Angola de Morretes
13/02 – 16h – Apresentação: Coral Indígena Nhe’e Porã
13/02 – 17h – Encerramento

Serviço
Folia Caiçara
De 10 a 13 de fevereiro
Praça do Porto de Cima (Praça Comendador José Ribeiro de Macedo) – Morretes
Gratuito

Compartilhe!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
API key not valid, or not yet activated. If you recently signed up for an account or created this key, please allow up to 30 minutes for key to activate.
plugins premium WordPress